sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

Caju-de-árvore-do-cerrado [Anacardium othonianum Rizz. (ANACARDIACEAE)]



O cajú do cerrado (Anacardium othonianum Rizz.) é bastante conhecido e apreciado na região do Cerrado. Seu nome popular é cajuzinho do Cerrado ou simplesmente cajuzinho. Esta espécie é típica dos Cerrados do Planalto Central do Brasil, dispersa pelo Distrito Federal e Goiás. A planta é aproveitada de várias formas: o chá obtido de suas folhas é empregado no combate a diarréia (Siqueira, 1988, citado por Naves et al., 1992), e a resina pode ser usada como expectorante (Pinto, 1993).

Planta arbórea, com 3 a 4 metros de altura por 3 a 4 metros de diâmetro de copa. Seus pseudofrutos apresentam de 2 a 4 cm de comprimento por 2 a 3 cm de diâmetro e peso entre 5 a 12 g. A coloração da casca do pseudofruto maduro é amarelada e avermelhada. O aproveitamento alimentar na forma de polpa in natura ou em forma de suco, licor e doces. A castanha também constitui uma fonte alternativa de alimento e pode ser consumida quando tostada (Silva et al., 2001).

Conforme os trabalhos de pesquisa desenvolvidos pela Embrapa e por outras instituições de pesquisa, o pedúnculo de caju é rico em vitamina C, fibras e compostos fenólicos. Além do potencial vitamínico, estes compostos conferem potencial antioxidante à polpa do caju. Esta propriedade biológica está associada à prevenção de doenças crônico-degenerativas, como problemas cardiovasculares, câncer e diabetes, que avançam a cada ano, superando estatísticas e preocupando as lideranças governamentais da área de saúde. O aumento das doenças crônico-degenerativas está associado ao aumento da expectativa de vida da população e às características da vida moderna, como mudanças de hábitos alimentares, sedentarismo e poluição. A necessidade de aumento do consumo de frutas tem sido uma recomendação crescente da Organização Mundial da Saúde, visando à prevenção do desenvolvimento das doenças crônico-degenerativas (Diniz, 2005).

As amêndoas de caju são ricas em proteínas e lipídeos. Na fração oleosa, predominam os ácidos graxos oléico (60,3%) e linoléico (21,5%), que são gorduras insaturadas e apresentam boa estabilidade, o que é uma característica desejável, tanto para a saúde humana quanto para a tecnologia de alimentos. Segundo Franco (1992), as amêndoas ainda são ricas em vitamina B1 (1000 micrograma/100g); vitamina B2 (560 micrograma/100g); vitamina PP ou niacina (4,5 mg/100g); fósforo (575 mg/100g) e ferro (5,6 mg/100g). O líquido da casca da castanha de caju é muito empregado na indústria química para a produção de polímeros que são utilizados na produção de matérias plásticas, isolantes e vernizes. Este óleo é constituído principalmente por compostos fenólicos, como os ácidos anacárdicos. As propriedades biológicas dos ácidos anacárdicos têm merecido atenção especial nos últimos anos, por se apresentarem como inibidores de enzimas medicinalmente importantes, além de compreenderem propriedades antimicrobianas, anticoagulante e antitumor.

Revisão da espécie por: LIMA, R.E. de. Influência do teor de água e do armazenamento na germinação de sementes de caju-de-árvore-do-cerrado (Anacardium othonianum Rizz.), visando a produção de mudas para a recuperação de áreas degradadas. 2008, 27 p. Monografia, (Curso Superior de Tecnologia em Produção de Grãos) – Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Verde – GO. Rio Verde, 2008.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

DINIZ, F. Caju, Identidade Tropical que Exala Saúde. 2005. Disponivel em: < http://www.brazil-brasil.com >. Acesso em 26 de junho de 2008.


NAVES, R.V., BORGES, J.D., ROCHA, M.R., CHAVES, L.J. E VIDAL, V.L. Emergência de plântulas de cagaita Eugenia dysenterica DC em viveiro. Revista Brasileira de Fruticultura, Jaboticabal, v.14, n.3, p.37-40, 1992.

PINTO, M.N. Cerrado: caracterização, ocupação e perspectivas. Brasilia: Editora da UNB, 1993. p.607-643.

SILVA, D.B.; SILVA, J.A.; JUNQUEIRA, N.T.V. & ANDRADE, L.R.M. Frutas do cerrado. Brasília: Embrapa Informação Tecnológica, 2001. 178 p.

Faça o download de Artigos e Resumos dessa espécie:

Propagação:

http://www.4shared.com/file/80864769/44a770fd/Enraizamento_in_vitro.html
http://www.4shared.com/file/80865062/6e86d895/DESINFESTAO_DE_FRUTOS_DE_CAJU-DE-ARVORE-DO-CERRADO_EM_DIFERENTES_SUBSTNCIAS_E.html
http://www.4shared.com/file/80865061/f78f892f/DESINFESTAO_DE_SEGMENTOS_NODAIS_DE_CAJU-DE-ARVORE-DO-CERRADO_EM_DIFERENTES.html
http://www.4shared.com/file/80865059/d27952de/Efeito_de_diferentes_substratos_na_emergncia_e_sobrevivncia_de_sementes.html
http://www.4shared.com/file/80865060/8088b9b9/ESTABELECIMENTO_IN_VITRO_DE_CAJU-DE-ARVORE-DO-CERRADO_A_PARTIR_DE_SEGMENTOS_NODAIS.html
http://www.4shared.com/file/80865063/1981e803/TOLERNCIA__DESSECAO_DE_SEMENTES_DE_CAJU-DE-RVOREDO-.html

Caracterização Química:

http://www.4shared.com/file/80864768/33a0406b/ETRAO_E_CARACTERIZAO_QUIMICA_DE_OLEOS_EXTRAIDOS_DO_FRUTO_DO_CAJU_ARBOREO_DO_CERRADO.html
http://www.4shared.com/file/80864770/2460f918/Determinao_dos_constituintes_qumicos_do_leo_fixo_extrado_do_caj-de-rvore-do-cerrado__Anacardium_othonianum_Rizz_.html

Cajú-precoce:


http://www.4shared.com/file/80864764/3a160c40/CAJUEIRO_AN_PRECOCE_Embrapa_.html
http://www.4shared.com/file/80864771/5367c98e/Cerrado_sobre_o_caju.html

11 comentários:

  1. Muito legal o site...
    Precisamos de pessoas que ainda valorizam nossa vegetação!!
    Parabens Aurélio!!!

    ResponderExcluir
  2. sou uma fã desse cajuzinho! tenho no meu quintal, que eu mesma plantei. Desse pé colhos quilos de frutos... replanto as castanhas e distribuo, em média, 90 mudinhas por ano. Doo aos amigos, vizinhos que queiram plantar. Sempre tenho mudinhas em casa, prontas pra doaçao a quem se interessar. Parabéns pelo site, adorei!!

    ResponderExcluir
  3. Muito Obrigado Moema, parabens pelo site nada....parabens pra vc.... iniciativas como essa é que podem realmente contribuir para a sobrevivencia tanto das plantas como do proprio cerrado...parabens a vc... vc faz a diferença no cerrado...continue assim...e n deixe de contribuir com o cerrado...Parabens para o cerrado tb! Abç Auréli Rubio Neto"

    ResponderExcluir
  4. Olá, achei muito interessante o site, mas gostaria de saberdas espécies annacardium (ou melhor sobre o cajui e o cajuzinho do cerrado), que formam moita e não arvore e se possivel permutar sementes

    ResponderExcluir
  5. Sim Ronaldo, é possível a espécie que vc se refere tem o nome de "Anacardium humille", trabalhos com essa espécie são muito difíceis de se encontrar...Obrigado pelo Comentário, o proximo Post será dessa espécie. Abç
    Aurélio Rubio Neto"

    ResponderExcluir
  6. Olá, gostaria de saber se conhece o caju rasteiro que tem como altura no maximo de 20 a 25 cm, espalha como cipó abaixo do solo e saem seus pequenos arbustos sobre o solo arenoso a ácido do cerrado. Tem alguns pés na região de Iaras SP, só não conseguimos fazer mudas deles ainda.

    Marcos

    ResponderExcluir
  7. Olá Marcos, olha vou ser sincero... N consegui fazer um post específico para essa espécie, ñ encontro dados representativos. Creio que estamos falando da mesma espécie pois o "Anacardium humile Mart." é conhecido popularmente por caju, cajuzinho do cerrado, cajuí e caju do campo. O que eu recomendo para germinação das sementes, é que assim que colhidas (núculas maduras) devem ser semeadas em vasos ou sacos plásticos, contendo Areia+Terra, na proporção de 1:1, e irrigação freqüente, evitando secas e excessos, mantidos em casa de vegetação. Até onde eu sei a germinação se inicia próxima aos 20 dias e pode atingir mais de 80%. Sementes armazenadas podem perder o vigor, recomendo que o armazenamento seja realizado em BOD, em 3 sacos plásticos bem vedados.
    Essa espécie esta cada vez mais rara aqui em Goiás, ñ só aqui, em todo lugar, por isso a carência de estudos.... faça logo essas mudas. Abção

    ResponderExcluir
  8. Olá, não consigo encontrar sementes do cajuzinho pra comprar na internet. conhece algum? favor alguém me ajude elvesantonioberton@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia , ola Elves, pois eu tenho essas sementes , recem colhidas, entre no sit, www.arbocenter.com.br , la vc vai encontrar essa rara semente.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Bom dia , ola Elves, pois eu tenho essas sementes , recem colhidas, entre no sit, www.arbocenter.com.br , la vc vai encontrar essa rara semente.

      Excluir